TUTKIKIRJASTO
searchclose
shopping_cart_outlined
exit_to_app
category_outlined / Tiede
National Geographic Magazine  PortugalNational Geographic Magazine  Portugal

National Geographic Magazine Portugal Septiembre 2018

National Geographic Magazine é uma revista única no seu género. Mais de 100 anos a publicar as explorações e descobrimentos dos seus cientístas, exploradores e fotógrafos. Mais de 100 anos mantendo-se fiel ao seu compromisso de velar pelos bens culturais, históricos, antropológicos e naturais do nosso planeta.

Maa:
Portugal
Kieli:
Portuguese
Julkaisija:
RBA REVISTAS PORTUGAL
Read Morekeyboard_arrow_down
ERIKOISTARJOUS Get 40% OFF with code: BDAY40
OSTA IRTONUMERO
2,72 €(Incl. tax)
TILAA
21,66 €(Incl. tax)
12 Numerot

TÄSSÄ NUMEROSSA

access_time5 min.
uma proeza extraordinária

Robb e Alicia Stubblefield ao lado da filha Katie. Atrás deles, parte da National Geographic que trabalhou na história de Katie durante mais de dois anos: a jornalista Joanna Connors (à esquerda) e a fotógrafa Maggie Steber. O CORAÇÃO DE ADREA SCHNEIDER foi para uma assistente social com cerca de 60 anos. O fígado para um homem de 66 anos. O pulmão direito foi atribuído a uma mulher de 51 anos e o esquerdo a outra com 62 anos. Os rins e as córneas foram doados. O seu útero foi usado para investigação médica na área da fertilidade.O seu rosto foi para Katie Stubblefield.Esta história fala dessa face, a dádiva de uma jovem que morreu e que deu a outra jovem uma segunda hipótese de viver – tornando-se…

access_time52 min.
o novo rosto de katie

Katie Stubblefield em 2013 FAMÍLIA STUBBLEFIELD Dezasseis horas após o início de uma cirurgia de transplante na Clínica Cleveland, os cirurgiões terminam a tarefa complexa de remoção do rosto de uma dadora de órgãos. Admirada com o resultado do trabalho e a seriedade do mesmo, a equipa queda-se subitamente em silêncio, enquanto os auxiliares médicos documentam o rosto neste momento entre duas vidas. Os cirurgiões passariam ainda mais 15 horas a fixar o rosto em Katie Stubblefield. (LYNN JOHNSON) Com o rosto da dadora quase totalmente ligado ao de Katie, os cirurgiões preparam-se para abrir uma incisão na testa, seguindo a linha desenhada na pele. Começaram pelo pescoço e foram subindo, ligando vasos sanguíneos, ossos e nervos. Para coser os vasos sanguíneos e os nervos, os microcirurgiões utilizaram suturas…

access_time2 min.
o novo rosto de katie

1 Mantê-la vivaQuando foi admitida na clínica, Katie já fizera várias cirurgias de estabilização. Foram depois removidos ossos despedaçados do queixo e crânio, mantiveram-se as vias aéreas abertas para que ela pudesse respirar e fecharam-se as feridas para poderem regenerar-se. 2 Reconstruir o nariz e o crânioOs médicos construíram uma cavidade nasal para ajudar a proteger o cérebro de Katie de infecções e facilitar a alimentação e respiração. Placas e parafusos de operações anteriores foram retirados e a ferida aberta do rosto foi selada. Os cirurgiões removeram os ossos infectados do crânio. 3 Aperfeiçoando o maxilarO maxilar requer equipamento para estabilizar o rosto. Exames de imagiologia à irmã forneceram as dimensões para construir um queixo de tamanho apropriado feito em titânio e osso enxertado da perna. Tecidos compostos de…

access_time1 min.
descubra mais sobre a história de katie em ngm.com/face .

DOCUMENTÁRIO Veja um curto filme sobre Katie e a sua família enquanto aguardavam por dador. Espreite também os passos de uma cirurgia que durou 31 horas e o início da dolorosa recuperação. INTERACTIVO Explore um relato multimedia sobre o transplante de Katie. BASTIDORES Descubra como uma fotógrafa veterana da National Geographic trabalhou nesta área durante dois anos. ■…

access_time1 min.
últimas dádivas

Órgãos Os transplantes podem ajudar pessoas com problemas a regressar à vida normal. Órgãos que bombeiam o sangue, filtram resíduos e desempenham outras funções essenciais têm de ser substituídos quando estão doentes. Tecidos Alguns tecidos, como as válvulas cardíacas, podem ser preservados por dez anos. Os tecidos compostos têm de ser transplantados rapidamente. A carência de oxigénio inutiliza-os. ■…

access_time1 min.
procurar ajuda

SOBREVIVENTE DE UMA TENTATIVA DE SUICÍDIO, Katie Stubblefield espera ajudar pessoas em dificuldades. Para os norte-americanos da sua idade, o suicídio é a segunda causa de morte e a taxa geral aumentou 28% entre 1999 e 2016. “Mesmo que seja difícil o que se passa na sua vida, asseguro que é apenas temporário”, afirma Katie. “E seja o que for, há sempre alguém com quem pode falar.” Estes são os factores mais comuns no suicídio. A doença mental e outros problemas também contribuem. JOHN TOMANIO E RYAN T. WILLIAMS. ARTE: HAISAM HUSSEIN. FONTES: REGISTO CIENTÍFICO DE RECEPTORES DE TRANSPLANTES; DONATE LIFE AMERICA; PROGRAMA NACIONAL DE DADORES DE MEDULA ÓSSEA; ASSOCIAÇÃO AMERICANA DE BANCOS DE TECIDOS; REDE DE OBTENÇÃO E TRASPLANTE DE ÓRGÃOS;CENTROS PARA O CONTROLO E PREVENÇÃO…

help