Revista Locaweb Edicao 110

A Revista Locaweb traz a cada edição reportagens exclusivas para quem respira Internet. Esta é uma publicação customizada da maior empresa de serviços de Internet do Brasil, a Locaweb. Os seus leitores são o seu maior ativo. Pessoas de decisão em TI desde pequenas empresas a grandes corporações.

Land:
Brazil
Språk:
Portuguese
Utgiver:
Editora Europa LTDA
Hyppighet:
Monthly
SPESIAL: Get 40% OFF with code: START40
kr 17,58
kr 176,64
12 Utgaver

i denne utgaven

2 min
locaweb círculo virtuoso

Impulsionado pelo novo comportamento do consumidor, forçado ao distanciamento social por conta da pandemia da covid-19, o mercado online nunca nadou a braçadas tão largas quanto agora. É hora, então, de criar uma loja virtual (independentemente de você já ter ou não um negócio físico) e colocar qualquer coisa para vender, que o sucesso está garantido, certo? Em partes. O momento é, de fato, excelente para apostar no digital. Tirar uma ideia do papel, conquistar audiência e obter lucro, porém, envolvem muitos outros fatores. Ter um e-commerce significa, em primeiro lugar, investir em criar uma marca (ou adaptá-la à internet) a partir de uma plataforma robusta, que permita que seus produtos e serviços sejam bem apresentados e o site mantenha-se sempre no ar, mesmo nas épocas mais concorridas, como as datas…

f003-01
3 min
pedestres tecnológicos

NOVIDADES, NÚMEROS E CURIOSIDADES DA TECNOLOGIA Os chamados “robôs de calçadas”, usados por empresas como Amazon e FedEx na entrega de produtos em algumas cidades, passaram a ter alguns direitos iguais aos dos pedestres nos Estados Unidos. Agora, eles podem operar livremente pelos passeios desde que respeitem uma velocidade de até 19 km/h, deem passagem para pedestres e ciclistas e trafeguem na mesma direção do trânsito. As regras foram aprovadas recentemente na Pensilvânia. Outros estados americanos, como Virgínia, Idaho, Flórida e Wisconsin, já contam com leis semelhantes. Para quem nunca viu um robô desses em ação, eles funcionam da seguinte forma: primeiro, a empresa leva as máquinas para a região de atuação. A partir daí, elas descem de caminhões e seguem em direção ao endereço do recebedor. Ao chegar à porta, o usuário…

f008-01
6 min
ambiente de inovação

"O meio é o que menos importa. Queremos saber se a solução é capaz de resolver um problema real e se existem pessoas dispostas a pagar por ela" O Parque Tecnológico São José dos Campos (PqTec), localizado no interior de São Paulo, é um espaço de inovação que surgiu em 2009 com o objetivo de potencializar o empreendedorismo e o desenvolvimento da tecnologia no Brasil. Para isso, o complexo gera uma série de iniciativas que facilitam a conexão entre empresas, universidades e órgãos do setor público. Um exemplo é o Nexus, criado para auxiliar startups a tirar ideias do papel e inseri-las de forma adequada no mercado. Alexandre Barros, coordenador do programa, conta que a solução nasceu como uma incubadora – espaço que prepara, fortalece e dá suporte a empresas em estágio…

f010-01
4 min
lâmpadas philips hue são sustentáveis, mas custam caro

DISPOSITIVOS QUE PODEM AJUDAR NA SUA VIDA PROFISSIONAL E PESSOAL Muito se fala sobre Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) e a possibilidade de tornar cidades, casas e empresas mais conectadas. No Brasil, essa realidade ainda é tímida. Um produto mais acessível que tem dado esse gostinho de futuro, no entanto, são as lâmpadas inteligentes. A mais famosa na categoria é a Philips Hue, que marca presença no mercado nacional desde 2014. Na prática, esses gadgets permitem que a pessoa personalize a iluminação de um ambiente por meio do aplicativo gratuito da Philips, disponível para Android e iOS. Nele, é possível navegar e selecionar seis grupos e 41 cenas predefinidas. Além disso, o usuário tem liberdade para criar suas próprias opções, sendo possível determinar brilho e tonalidade dentro de um…

f014-01
3 min
trama intensa e envolvente transforma the last of us part ii em jogo imperdível

JOGOS QUE PODEM SER ÚTEIS PARA DESENVOLVER ESTRATÉGIAS OU RELAXAR Como o próprio nome sugere, The Last of Us Part II é a continuação do primeiro jogo da franquia. Além do título, o game mais recente manteve o sucesso de seu predecessor – e foi além: tornou-se o jogo mais premiado da história, com 259 condecorações. Toda essa repercussão não se deu à toa. O game, exclusivo para PlayStation, traz consigo uma história que pode ser descrita como emocionalmente intensa e desgastante. Esses sentimentos são experimentados tanto pelos personagens quanto pelos jogadores. No que diz respeito aos players, o desgaste não ocorre por cansaço ou repetição de jogabilidade, mas por um alto nível de imersão no enredo – com direito a doses do sofrimento vivido pelos personagens. É possível sentir raiva, paixão, frustração…

f016-01
3 min
“motivação é um assunto sério e que precisa ser tratado por quem tem propriedade comprovada”

higorfgoncalves @higorfgoncalves higor.fgoncalves@gmail.com O mundo empresarial e corporativo vive de moda. De uns bons anos pra cá, por exemplo, proliferou a oferta de conteúdos motivacionais: palestras, ebooks, podcasts, lives e mais um sem-fim de coisas sobre autoajuda empreendedora, planejamento quântico, espiritualidade dos negócios e por aí vai. Acho tudo isso meio cafona e vigarista. Motivo? A esmagadora maioria desses conteúdos é superficial, não aborda o âmago dos problemas, visa apenas emocionar e não estimula uma reflexão honesta acerca da realidade. “Palestras de autoajuda e motivacionais visam deixar você alegrinho, porque, alegrinho, você produz mais”, cravou o filósofo, professor e escritor Luiz Felipe Pondé no ferino vídeo “Por que eu detesto palestra motivacional?”, postado em 2017 em seu canal no YouTube. Quero deixar registrado, contudo (e paralelamente), o inestimável valor da motivação para o enfrentamento…

f018-01