ZINIO logotipo
EXPLORARBIBLIOTECA
Negócios & Finanças
Harvard Business Review Brasil

Harvard Business Review Brasil

Dezembro 2020

É a edição brasileira da mais importante revista de economia, gestão e négocios do mundo. Fundada há 91 anos, permanece na liderança das idéias revolucionárias que movem corporações em todo o mundo

Ler Mais
País:
Brazil
Língua:
Portuguese
Editora:
RFM EDITORES Ltda
Periodicidade:
Monthly
COMPRAR EDIÇÃO
8,13 €(IVA Incl.)
ASSINATURA
87,82 €(IVA Incl.)
12 Edições

nesta edição

1 minutos
parceiros e rivais

QUANDO O MUNDO entrou em quarentena no ínício do ano, as edições da HBR ao redor do mundo lançaram vários projetos editoriais — webinars, série de entrevistas, etc. — para oferecer aos seus leitores diferentes perspectivas sobre a nova e estranha realidade global. Em diversos desses projetos foram feitas parcerias para sua distribuição. Nos Estados Unidos, a série de entrevistas “Quarentined” foi distribuída também no LinkedIn. O LinkedIn é mais conhecido como um site de relacionamento profissional, mas também publica artigos sobre tópicos de gestão — competindo com a HBR por leitores. Ao mesmo tempo, a HBR americana tem 11 milhões de seguidores no LinkedIn, o que impulsiona tráfego para o site. Assim, a questão é: o LinkedIn é nosso parceiro, nosso rival ou ambos? Esse tipo de pergunta é semelhante à…

5 minutos
por que ceos novatos têm um melhor desempenho

AO PROCURAR O MELHOR candidato a CEO, conselhos podem começar com grandes objetivos. Porém, conselheiros admitem que uma sucessão malfeita é capaz de prejudicar suas reputações (sem mencionar a de seus acionistas), por isso, em muitos casos, acabam se concentrando não apenas no potencial de crescimento do candidato, mas, também, no baixo risco que oferecem, perguntando-se: qual a escolha mais segura? Quem tem menos chance de fracassar? E suas respostas, frequentemente, apontam para o candidato com experiência prévia no mais alto cargo executivo. Na verdade, a porcentagem de CEOs recém-contratados que já atuaram na função quadruplicou desde 1997 e, atualmente, está em 16%. Na maior parte dos casos, experiência é algo positivo. No entanto, um novo estudo realizado pela empresa de recrutamento e consultoria em liderança Spencer Stuart revelou que, especificamente…

3 minutos
“apetite vale mais do que experiência”

Antes de se tornar CEO da Honeywell, em 2002, David Cote chefiou a empresa automotiva e aeroespacial TRW por sete meses — um período bastante curto, diz ele, e um fator preponderante no modo como administrou a Honeywell. Contudo, à medida que começou a se preparar para sua aposentadoria, em 2017, ele pensou muito a respeito das características e experiências que aumentariam as chances de sucesso de seu sucessor (ele compartilha tais reflexões em seu livro Winning Now, Winning Later). Cote conversou com a HBR sobre as vantagens e desvantagens de se contratar um CEO com experiência prévia no cargo. A seguir, trechos editados. De que maneira os conselhos devem pensar a respeito da experiência prévia de um CEO ao escolher um novo líder? Em geral, a experiência é sobrestimada. Uma pessoa…

1 minutos
sedes – antes e agora

Localização é uma parte fundamental da estratégia corporativa — e grandes mudanças vêm ocorrendo desde a década de 1950, quando empresas industriais adotaram a tendência de se aglomerar no Meio Oeste devido ao fácil acesso à mão de obra, à matéria-prima e às fábricas. Com o aumento de empresas baseadas no conhecimento, a necessidade de atrair talentos altamente qualificados direcionou as empresas para as cidades onde se encontravam as “superestrelas”, fazendo com que eixos de tecnologia fossem criados.…

2 minutos
honestidade é realmente a melhor política

A sabedoria popular e as práticas comuns sugerem que, muitas vezes, é inteligente salientar as vantagens de uma oferta e maquiar quaisquer eventuais desvantagens; porém, uma nova pesquisa lança dúvida sobre tal estratégia. Os estudiosos realizaram um experimento de campo envolvendo 389.611 consumidores que estavam pensando em adquirir um cartão de crédito do Commonwealth Bank of Australia. Ao longo de um período de cinco meses, o banco ofereceu aos visitantes de seu site uma de duas apresentações de um discurso de venda de cartão: na primeira, enfatizava apenas seus benefícios, de acordo com as práticas de marketing usuais; na outra, apresentava também, e de modo claro, suas potenciais desvantagens (anuidade elevada ou cobranças extras para transações internacionais, por exemplo — o tipo de coisa que, por lei, deve ser divulgada, mas…

3 minutos
quais empresas vão se salvar?

O valor dos ativos das empresas americanas de capital aberto sob proteção contra falência disparou nos últimos meses e agora se encontra em seu mais alto nível em 25 anos. Se as empresas vão se salvar ou não é de fundamental importância não somente para as próprias organizações, mas, também, para seus fornecedores, parceiros e outros stakeholders. Uma pesquisa recente indica uma nova maneira de ajudar esses stakeholders a avaliar as chances de sobrevivência. Visto que publicidade e pesquisa e desenvolvimento aumentam o fluxo de caixa futuro de uma empresa, pode parecer que investimentos acima da média em tais atividades venham a aumentar as possiblidades de se evitar a declaração de falência. Contudo, aumentam também o valor dos títulos concedidos a credores caso a empresa venha a ser liquidada, fazendo com…